Página 10 de 10

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 25/out/2016, 22:55
por vasco25
VIva!

Pois se são de Jovens Agricultores a mim não me calhou nada :cry:
Mas a noticia também pode crer dizer que efectivamente não há nada, é que começa com "foi aprovada a contratação" e depois o foram contratados 7100 esta entre aspas.
Agora só me resta esperar, de qualquer modo já entrei na fase "não há dinheiro não há palhaços".

Cumps

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 26/out/2016, 01:43
por komodro
Pois, eu vou meter mais um projecto, mas sinceramente vou submeter sem convicção nenhuma de vir aprovado. Cada vez que falo com pessoal que está por dentro da matéria, recebo noticias cada vez mais tristes.

No IFAP então o que andam a fazer com os controlos é uma autêntica vergonha, nem no tempo do Sr. Alcatrão a.k.a Cavaco Silva e do Jaime Silva se viam estes desrespeitos. Repito, uma autêntica vergonha. Mas pronto, a comunicação social prefere ouvir as esganiçadas e os Galambas e os Arménios Carlos todos os dias do que ouvir os Agricultores.

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 09/dez/2016, 20:34
por komodro
Medidas 3.1 e 3.2 estão prestes a abrir.
Outra porrada nas ajudas.

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 14/dez/2016, 22:03
por vasco25
Viva!

[quote="komodro"]Medidas 3.1 e 3.2 estão prestes a abrir.
Outra porrada nas ajudas.


Pois, o meu por lá anda, já teve parecer favorável em Setembro, veio agora a aprovação a 30 de Novembro com 2 condicionantes que entretanto já foram enviadas.
Cortaram foi uns valores nas maquinas, umas compreendo outras não consegui perceber e umas por culpa de quem fez o projecto (e estas doeram para caraças).
Agora resta-me aguardar se isto vai chegar a algum lado.

Cumps

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 17/dez/2016, 03:56
por vasco25
Viva!

Novas norma para analises dos projectos, por acaso já me tinham dito, tudo o que tiver VGO menor que 10 vai logo directo para o caixote do lixo.

http://www.aflobei.pt/UserFiles/file/Noticias/CAP%20-%20INFO%20PAC%20NOVEMBRO%202016.pdf

Cumps

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 17/dez/2016, 10:49
por komodro
Limites de investimento, baixa geral das comparticipações, alteração das zonas desfavorecidas, descriminação absurda ao sector do leite. Ainda há dúvidas que a Agricultura está a ser marginalizada por este executivo?

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 06/fev/2017, 18:00
por pedro
Candidaturas de agricultores a ajudas do IFAP tem novas regras

O pagamento dos pedidos de ajuda do IFAP - Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas aos agricultores e pescadores foi hoje regulamentado, estimulando também a desmaterialização dos formulários e a implementação de meios eletrónicos, segundo um diploma hoje publicado.

O novo regulamento hoje publicado em Diário da República, que resulta da transposição de diretivas comunitárias e revoga o regulamento em vigor desde 2011 para os procedimentos de acesso às ajudas e aos pagamentos do IFAP, produz efeitos retroativos a 01 de janeiro, apesar de entrar em vigor na terça-feira.

Das alterações introduzidas pelo regulamento destacam-se a substituição do Regime de Pagamento Único (RPU) pelo Regime de Pagamento Base (RPB), a definição de regras de atuação relativamente às situações de sobredeclaração de parcelas de referência e o alargamento das disposições do regulamento à Região Autónoma dos Açores e à Região Autónoma da Madeira, com as devidas adaptações.

O regulamento pretende ainda agilizar e simplificar os procedimentos, promovendo a desmaterialização dos formulários e a implementação e utilização, sempre que possível, de meios eletrónicos.

O novo regulamento exige que, antes de proceder à apresentação da candidatura ou do pedido de pagamento no IFAP, se faça a inscrição ou atualização de dados do beneficiário no sistema de informação do IFAP, o SIFAP, da totalidade das parcelas da exploração agrícola no Sistema de Identificação Parcelar (SIP), e dos animais, no Sistema Nacional de Informação e Registo Animal (SNIRA), sempre que os respetivos regimes o exijam.

"Os formulários de candidaturas e de pedidos de pagamento podem ser submetidos de forma materializada ou desmaterializada", lê-se no novo regulamento, precisando que a forma desmaterializada é por transmissão eletrónica de dados do beneficiário.

Quanto aos procedimentos aplicáveis à agricultura e setores conexos, o regulamento determina que os beneficiários "são obrigados a inscrever" no SIP os dados de identificação das parcelas da exploração agrícola e respetivas ocupações do solo, ficando obrigados a manter dos dados atualizados.

fonte: https://www.noticiasaominuto.com/pais/736529/candidaturas-de-agricultores-a-ajudas-do-ifap-tem-novas-regras

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 07/fev/2017, 10:01
por AlvaroAmorim
Desculpem a ignorância... as candidaturas aos apoios do IFAP não eram já todas via electrónica? Não era preciso fazer o registo das parcelas e animais?
Do que li, a única novidade, parece mesmos ser passar de RPU para RPB!

E depois vêm estes tipos dizer que inovam.... se dissessem que simplificavam o portal do IFAP, ainda era aquela, agora candidaturas electrónicas...

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 07/fev/2017, 18:47
por komodro
Boas
Sim e não.

Sim na parte do RPB, desde o famoso Idigital( em que por exemplo eu estive até ás 03:00 para fechar uma candidatura... e não foi por deixado para o últimos dias) que todos os pedidos são feitos on-line.
Não na parte do PDR2020 que só a partir de agora foi totalmente desmaterializado. O mais caricato é que são os próprios promotores a "trancar" e a validar documentos de despesa. O IFAP apenas controla o processo. Cheira-me que isto vai dar "bota", mas pronto é apenas a minha opinião.

Engraçado engraçado é que só agora oficialmente se começou a chamar RPB, quando os direitos foram implementados em 2014. Também desconhecia este facto.

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 27/fev/2017, 23:43
por telmom
Boas,

estou a planear submeter um projeto superior a 25000€, ou seja a ação 3.2.1, e pelo que li no site e legislação existe uma majoração de 5% caso o projeto esteja associado a instrumentos de gestão do risco, nomeadamente seguro de colheitas ou investimento em medidas de prevenção. Existe a possibilidade de assumir o compromisso de adesão ao seguro a ser validada no ultimo pedido de pagamento. A minha pergunta é se alguém sabe se assumindo o compromisso de adesão ao seguro se temos direito à majoração dos 5%, ou se tenho de o fazer antes da candidatura. Ainda por cima, eles falam de seguro relativo ao ultimo exercício, significa que se fizer um seguro agora já não serve?. Eu já telefonei para o PDR enviei email e já vai para 2 meses e nada de resposta, acho que nem eles sabem....mas pode acontecer que alguém do forum tenha levantado essa questão e que tenha tido a sorte de ter uma resposta concreta, de preferência por escrito.
Obrigado.

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 28/fev/2017, 14:01
por komodro
Em poucas palavras, esquece a majoração dos seguros de colheita\produção. Não conheço nenhum ainda que tenha beneficiado dessa majoração. Há sempre argumentos por parte do IFAP a dizer que a apólice não se enquadra, ou não se aplica.
Em relação a esclarecimentos por parte do PDR idem idem, aspas aspas. Só entram em contacto no caso para te penalizarem.
E antes que comecem a pensar, "fogo este gajo é mesmo má-língua", perguntem vocês próprios como andam as coisas e depois venham dizer. Gostava que houvesse mais pessoas a dar feedback sobre o PDR2020, e sobre a forma como estão a ser tratadas as candidaturas e\ou Agricultores.

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 09/mar/2017, 21:35
por komodro

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 09/mar/2017, 22:26
por vasco25
Viva!

Portanto tudo normal.

E gostei desta parte:

"Domingos Santos afirma que “é preocupante que tenham sido retirados os 10% de majoração para associados de OP porque é muito importante estimular a organização da produção”, e adianta: “temos visto nos últimos anos que muitos projetos acabam por morrer nos primeiros anos e isso acontece principalmente com pessoas que não são do setor e se viram para a agricultura por necessidade. No caso das candidaturas de associados de OP, como as organizações têm indicações estratégicas de expansão e reveem os projetos, não digo que o sucesso esteja garantido, mas seguramente que a probabilidade de insucesso é muito menor e isso devia ser aproveitado pelo Ministério, olhando para as OP como aliados, uma vez que estamos a lidar com dinheiro de todos nós e sabemos que a fiscalização posterior dos projetos também não ocorre como devia”. O presidente da FNOP e da Frutoeste considera que “todos os projetos deviam ter responsabilidade económica e agronómica e serem acompanhados nos primeiros anos”."

Isto por acaso até acho bem, passou a ser igual para todos, não sei como funciona nos outros lados mas aqui no Oeste as op´s estão todas "fechadas" as que não estão pedem valores malucos para se ser sócio tipo 125000€ por uma cota de 100 toneladas, outras são sociedades comerciais que se disfarçaram por de trás de uma op só para ir buscar mais uns trocos, têm praticamente a totalidade da cota e depois arranjam uns palhaços com cotas de 0.000001% e pagam a produção ao preço que lhe apetece 15 a 20 cêntimos kg de diferença para as não disfarçadas.
Basicamente o que eles queriam é que quem faz parte do grupo e já consegue na maioria dos casos uma vantagem sobre os outros, ainda tivesse mais 10% de vantagem.

Cumps

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 12/mar/2017, 19:38
por symbalino
[quote="komodro"]Em poucas palavras, esquece a majoração dos seguros de colheita\produção. Não conheço nenhum ainda que tenha beneficiado dessa majoração. Há sempre argumentos por parte do IFAP a dizer que a apólice não se enquadra, ou não se aplica.
Em relação a esclarecimentos por parte do PDR idem idem, aspas aspas. Só entram em contacto no caso para te penalizarem.
E antes que comecem a pensar, "fogo este gajo é mesmo má-língua", perguntem vocês próprios como andam as coisas e depois venham dizer. Gostava que houvesse mais pessoas a dar feedback sobre o PDR2020, e sobre a forma como estão a ser tratadas as candidaturas e\ou Agricultores.


Uma vergonha!!!

Para terem uma noção, submeti um projecto VITIS para plantação de 22ha vinha em Janeiro de 2016, e um de jovem agricultor, para compra de um tractor, alfaias e instalação da rega na vinha. O projecto VITIS foi logo aprovado passados 2 meses, e tinha obrigatoriamente de plantar a vinha este ano. Estou agora a plantar a vinha, para dar cumprimento ao VITIS, e o projecto de jovem agricultor há mais de um ano que foi submetido e ainda não tenho resposta nenhuma. Agora vou deixar morrer a vinha que estou a plantar, porque não me ajudam a comprar um tractor para tratar dela, nem a colocar a rega!!! Isto cabe na cabeça de alguem???

Alguém tem o telefone do Marcelo? Acho que só ele nos pode valer...

Re: Novo PDR

MensagemEnviado: 13/mar/2017, 00:41
por vasco25
Viva!

Portanto tudo normal, Janeiro de 2016 ainda esta dentro do prazo :)
Também há coisas muito mais antigas a serem agora aprovados, ultimamente têm sido muitos contratados.
Mas existem já alguns de Janeiro de 2016 contratados, agora as verbas nesses 2 blocos eram um pouco curtas e pode levar que alguns fiquem para já pendurados, é que esses já entraram nas nova modalidade de analise, primeiro tudo classificado e depois analisado e aprovado de cima para baixo até acabar o dinheiro os outros nem vistos são. E se muitos desses forem de valores elevados a coisa acaba depressa.
Já uma vez tinha falado aqui que não concordava com o aumento acima dos 500 mil euros para os projectos (houve quem não concorda-se), para mim esses projectos poderiam ser apoiados, mas deviam ir noutro bloco de candidaturas. O que evitava casos de operações com 300 e tal candidaturas em que 84 foram aprovadas e praticamente 300 de fora, pode ter deixado muitos gente que começou a efectuar investimentos logo mal submeteu o projecto com eles na mão.

Cumps